FAA ESTÃO EM PRONTIDÃO PARA DEFESA DO TERRITÓRIO

POR MBEMBU BUALA PRESS

“Os efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) estacionados na Região Militar Cabinda reafirmaram o compromisso de defender a província mantendo um elevado grau de prontidão combativa para prevenir e repelir toda a tentativa de invasão do território a partir do exterior”.

No compromisso de honra, expresso no acto de abertura do ano de preparação operativa, combativa e educativa-patriótica 2020/2021, as FAA referem que o Comando da Região Militar vai preparar as tropas no âmbito das operações de apoio à paz, segurança e estabilização, face aos conflitos armados na região e no mundo.

O comandante da Região Militar Cabinda, tenente-general Amílcar David Eugénio “Trovão”, garantiu que as FAA vão continuar a aprimorar as suas capacidades técnicas e tácticas, elevando os níveis de conhecimento, sobretudo da situação vigente nos países vizinhos “para que estejamos prontos a cumprir eventuais missões de manutenção ou interposição da paz”.

De acordo com o tenente-general “Trovão”, em cumprimento das orientações estratégicas do Comando Superior, as FAA continuarão a participar nas missões de segurança interna, apoiando a Polícia Nacional nas operações necessárias, atendendo à sua gravidade ou natureza.

Para tal, as unidades e subunidades ao longo da fronteira terrestre, marítimas e fluviais foram exortadas a combater a imigração ilegal em cooperação com a Polícia Nacional, as autoridades ad-ministrativas e tradicionais e a população.

O acto de abertura do ano de instrução militar em Cabinda decorreu no quartel da Divisão do Dinge, sob o lema “Firmes na reformulação do ensino militar e adestramento das tropas” e tem como principal objectivo a organização do processo de instrução, coesão das unidades, subunidades e seus órgãos de comando para o cumprimento das missões combativas e outras em conformidade com a sua destinação.

Para o tenente-general “Trovão”, a abertura do ano de preparação operativa, combativa e educativa marca o início de um percurso de intensa actividade de preparação permanente das forças e meios da Região Militar Cabinda.

“O êxito das tarefas programadas para o presente ano de instrução depende do aumento da coesão, camaradagem, patriotismo, disciplina e organização, tendo como base principal a atenção especial no controlo e manutenção da técnica pessoal e dos meios colocados à disposição dos efectivos.”

Trovão acrescentou que “o militar deve estar sempre disponível, ser assíduo e pontual e dedicar ao serviço toda capacidade e inteligência, primando por uma conduta que preserve a imagem das FAA e do património que o povo colocou à sua disposição.”
Exortou os efectivos localizados na província a respeitarem os órgãos de soberania, os símbolos da Pátria e o cumprimento escrupuloso do estabelecido nos regulamentos e mais disposições militares, bem como serem disciplinados e exemplares e manter a coesão e o espírito de corpo e combater as práticas nocivas à instituição e à sociedade.

Texto de Alberto Coelho

Fonte: Jornal de Angola

Foto: MBEMBU BUALA PRESS

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.