CABINDA GULF OIL COMPANY (CABGOC) PERDE PROCESSO JUDICIAL EM CABINDA

O Tribunal Provincial de Cabinda chumbou recentemente o recurso da Cabinda Gulf Oil Company (CABGOC) que negava indemnizar seu ex-funcionário, Januário Sumbo, portador duma doença profissional durante muitos. Em plena assessoria da renomada Miranda Alliance que “reúne cerca de 230 advogados em 19 jurisdições, abrangendo 4 continentes”, a CABGOC foi encostada a parede. Segundo o relatório do tribunal provincial de Cabinda, que cita a empresa … Continuar lendo CABINDA GULF OIL COMPANY (CABGOC) PERDE PROCESSO JUDICIAL EM CABINDA

ERA UMA VEZ O PETRÓLEO, ERA UMA VEZ O… MPLA!

Os países do golfo Pérsico e a Rússia serão os “vencedores”, num contexto de preços do petróleo baixos, enquanto países como Brasil e Angola perdem atractividade para investimentos na produção, afirma o presidente executivo da Partex. Lá se vai a galinha dos ovos de ouro do MPLA. “V ai haver um colapso muito grande no mundo da procura e é evidente que quem vender petróleo … Continuar lendo ERA UMA VEZ O PETRÓLEO, ERA UMA VEZ O… MPLA!

CORONAVÍRUS FORÇA CHEVRON SUSPENDER A EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA EM CABINDA

A companhia petrolífera Chevron suspendeu a exploração de todas as plataformas em águas profundas no mar de Cabinda por tempo indeterminado, na base estão os danos financeiros causados pela covid-19. Neste momento apenas duas plataformas estão em funcionamento para fornecimento de gás natural para Malembo e Soyo. As restantes foram suspensas devido à falta de escoamento do petróleo uma vez que todos os reservatórios estão … Continuar lendo CORONAVÍRUS FORÇA CHEVRON SUSPENDER A EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA EM CABINDA

RDC INTERESSADA NO PETRÓLEO DE ANGOLA, MAS NÃO AVANÇA POR TEMER ROTURA DA PROTEÇÃO DO MPLA

POR AVC-MBEMBU BUALA Petróleo de Angola poderá se tornar da RDC, toda história aqui! Cerca de metade do petróleo produzido por Angola está nas águas congolesas, de acordo com a convenção da ONU que define as fronteiras marítimas. Angola é um dos maiores produtores de petróleo da África. A política de Angola vive do petróleo. Os recursos naturais representam quase 40% do PIB e 75% … Continuar lendo RDC INTERESSADA NO PETRÓLEO DE ANGOLA, MAS NÃO AVANÇA POR TEMER ROTURA DA PROTEÇÃO DO MPLA