FERNANDO VUMBY APELA PARA O FIM DA GUERRA EM CABINDA

MAS ESTES TIPOS DO MPLA NÃO DÃO CONTA DE QUE É HORA DE UMA DISCUSSÃO SEM TRUQUES PARA SE ACABAR COM A GUERRA EM CABINDA? Ou vão mesmo continuar apostando no trungungo, força das armas, truques e compra de mentes ibinda/fiote? Creio não ser a melhor forma de se resolver a situação de Cabinda este velho truque que o MPLA tem de ser ele mesmo … Continuar lendo FERNANDO VUMBY APELA PARA O FIM DA GUERRA EM CABINDA

OPINIÃO DO DR RAUL TATI SOBRE O COMBATE A CORRUPÇÃO E IMPUNIDADE

A ORQUESTRA DESAFINADA DO COMBATE À CORRUPÇÃO E À IMPUNIDADE CONTA COM O APOIO DO PARLAMENTO (?) Na última reunião plenária ordinária, a oitava da presente sessão da IV Legislatura da Assembleia Nacional, que teve lugar a 20 de Maio do corrente ano, estava inscrito como primeiro ponto da ordem do dia a ´´Movimentação dos Deputados´´. À luz dos procedimentos regimentais da Assembleia Nacional é … Continuar lendo OPINIÃO DO DR RAUL TATI SOBRE O COMBATE A CORRUPÇÃO E IMPUNIDADE

GOVERNO NÃO APRENDE OPINIÃO DE JOSÉ MARCOS MAVUNGO

Já foi votada a nova lei que se inscreve no Plano de Reconciliação em Memória das Vítimas dos Conflitos Políticos. Mas o regime não se deixa ensinar pelos tumultos da história destes últimos 45 anos e criar as condições de reconciliação. Talvez o executivo devesse ouvir Nelson Mandela. Por José Marcos Mavungo (*) Esta quinta-feira, 21 de Maio, os deputados angolanos votaram a Lei do … Continuar lendo GOVERNO NÃO APRENDE OPINIÃO DE JOSÉ MARCOS MAVUNGO

REFLEXÃO DE UM SOBREVIVENTE DO 27 DE MAIO DE 1977

Quarenta e três anos passaram, desde aquele triste, fatídico, célebre e histórico dia 27 de Maio de 1977. Como sempre, cumpre-me o dever sagrado, enquanto sobrevivente de render profunda homenagem a todos angolanos que foram friamente assassinados das mais variadas formas, fundamentalmente, os companheiros que comigo estiveram no INFERNO da Kalunda – Moxico, pela ala que dirigiu e executou o plano macabro que já havia … Continuar lendo REFLEXÃO DE UM SOBREVIVENTE DO 27 DE MAIO DE 1977

RDC E ANGOLA EM ROTA DE COLISÃO DIRECTA DEVIDO A EXPLORAÇÃO DO OURO NEGRO

SÃO INÚMEROS OS “DIFERENDOS” QUE PODERIAM LEVAR ANGOLA E A RDC EM ROTA DE COLISÃO DIRECTA (guerra intra-estados) confrontação essa que não pode ser descartada no futuro, devido à questão de partilha dos recursos naturais e sobretudo devido à luta pela liderança geo-estratégica da Região Central e de África, pois chegará o dia em que a “RDC” chamará para si o poder decisório das responsabilidades estratégicas da Região, relegando para segundo plano países como o África do Sul, Nigéria, Egipto, Quénia, Ruanda, Uganda e Angola, (este último que só tem destaque nessa região devido ao Território de Cabinda que ocupa ilegal e militarmente), transformando-se no Grande Estado Directorio da Região Central Africana e do Continente berço no seu todo, estatuto que lhe é divido e merecido, mas que um dia alcançará.
Continuar lendo RDC E ANGOLA EM ROTA DE COLISÃO DIRECTA DEVIDO A EXPLORAÇÃO DO OURO NEGRO

ERA UMA VEZ O PETRÓLEO, ERA UMA VEZ O… MPLA!

Os países do golfo Pérsico e a Rússia serão os “vencedores”, num contexto de preços do petróleo baixos, enquanto países como Brasil e Angola perdem atractividade para investimentos na produção, afirma o presidente executivo da Partex. Lá se vai a galinha dos ovos de ouro do MPLA. “V ai haver um colapso muito grande no mundo da procura e é evidente que quem vender petróleo … Continuar lendo ERA UMA VEZ O PETRÓLEO, ERA UMA VEZ O… MPLA!