PERSISTE A PERSEGUIÇÃO DE ATIVISTAS AFETOS A ADCDH, EM CABINDA

Denuncia pública:

Recebemos uma denuncia por parte do activista Jeovanny Ventura, afeto a Associação para Desenvolvimento da Cultura dos Direitos Humanos – ADCDH  da perseguição que foi alvo no dia (05/01/19) em Cabinda, por duas viaturas de marca TOYOTA LAND CRUISER com vidros fumados com as seguintes matrícula: LD7437FS e LD8985AZ que presumivelmente sejam agentes do SIC( Serviço de Investigação Criminal).

Como sempre, estas são as intimidações que os ativistas sofrem. São constantemente escrutinados e agredidos. Queremos dizer que estes atos, não visam garantir a ordem pública. Mas sim a violação de uma liberdade. Com isso, o regime angolano vai manchando cada vez mais a sua imagem perante ao mundo. Porque violar o direito de um povo em viver livremente, é um ato severamente condenável segundo direito internacional. Pelo que pedimos ao regime angolano, que, deixe os Cabindas a viver e exercerem os seus direitos conforme consagrado na carta universal!

JEOVANNY VENTURA, usou a sua página do Facebook para denunciar a perseguição nos seguintes moldes:

“Estou sendo Perseguido

Eu Jeovanny Ventura, Activista Cívico e Defensor dos Direitos Humanos, Membro da ADCDH em Cabinda, informo que desde as 14horas que havíamos marcado um encontro membros, não consigo sair de Casa pelas fortes presenças de duas viaturas de marca Toyota Land Cruiser cor branca com vidros totalmente fumados a rondarem as imediações da minha casa. TOMEM NOTA.

  • Apesar da persuasão e intimidação, o ativista Jeovanny Ventura, sacrificou-se, desafiando toda profilaxia dos opressores e participou na referida reunião.

Extratos da denuncia em língua inglesa

Public denouncing:

We received a report from the activist Jeovanny Ventura, who is being persecuted by two Toyota Land Cruiser branded cars with tinted windows and the following plates: LD7437FS and LD8985AZ. Who are presumably agents of the SIC (Criminal investigation Service). As always, these are the intimidations that activists suffer. They are constantly scrutined and assaulted. We want to say that these acts are not intended to guarantee public order. But a violation of a freedom. With this, the Angolan regime will increasingly stain its image to the world. Because violating the right of a people to live freely, it is a severely objectable act according to international law. We urge Angolan regime, let cabindas live and exercising their rights as enshrined in the Universal Charter!

Persecutions, Death threats and assassinations of Human Rights Activists in Cabinda are still the modus operandi and vivendi for the Angolan regime. In order to silence the voices of those who are willing to see a well negotiated peace in Cabinda, the regime of Angola prefers to either corrupt, persecute, threat or kill so the world does hear of learn of what happens in that territory.


The incident happened this morning in Cabinda, where some members of the association for the development of a human rights culture ADHRC/ADCDH reported presence of police apparatus around their houses to prevent them from going a regular meeting and as they went out, the police vehicles kept following them.

2 comentários sobre “PERSISTE A PERSEGUIÇÃO DE ATIVISTAS AFETOS A ADCDH, EM CABINDA

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.