CRISE CONTINUA AFECTAR OS HOSPITAIS EM CABINDA

Apesar de ser triste, infelizmente esta é a realidade que o povo de Cabinda enfrenta, na assistência medicamentosa nas unidades hospitalares, abaixo mencionadas. Compartilhe ou denuncie outras dificuldades e irregularidades, dos outros hospitais em Cabinda do sector público e não só!

Segundo as nossas fontes são muitas as unidades hospitalares em Cabinda, afectadas pela crise e que continuam à debater com dificuldades de vária ordem.

Conforme a verificação feita nos seguintes hospitais:         

POSTO DE SAÚDE AMARO TATI

Que funciona há mais de seis meses, sem eletricidade “ Luz”.

HOSPITAL DO CHIWECA

Apesar de ser um estabelecimento hospitalar espaçoso, mas infelizmente grande parte dos compartimentos do hospital, carecem de móveis “ou seja não tem mobília”, muitas dificuldades em obter o material gastável, a sala de parto da instituição, funciona por meio de esquemas que para aceder aos seus serviços as gestantes têm de pagar.

HOSPITAL DO CHINGA

Infelizmente, os pacientes têm de comprar de tudo um pouco “ ou seja é um salve se quem poder” e o coordenador Tchimpindi, apesar das reclamações da população, nada ou se não pouco tem feito para que as autoridades resolvam as dificuldades da unidade hospitalar.

HOSPITAIS DO POVO GRANDE E MBACA

Estas vivem o pior das dificuldades dos relatos que ouvimos dos utentes, custa crer que estas instituições têm sérias dificuldades e neste preciso momento, os pacientes devem levar desde do álcool, seringas e algodão. Segundo se apurou um dos entraves para solucionar estas dificuldades é a morosidade da cabimentação das verbas do OGE-REVISTO de 2019, aprovado recentemente pelo parlamento angolano.

Texto de Ruben Malonda

© 2015-2019 VOC-voice of Cabinda Mbembu Buala  

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.