DESPEDIMENTOS EM MASSA NA INDUSTRIA PETROLÍFERA EM CABINDA

Mais de 2 mil trabalhadores foram relegados para o desemprego em plena pandemia da Covid 19, sendo em parte uma das causadoras do fenómeno e bem como a longa crise que se regista no sector ao nível mundial e no território de Cabinda. Que se agudizou com a queda do preço de petróleo no mercado internacional, obrigando de forma vertiginosa a redução da procura do … Continuar lendo DESPEDIMENTOS EM MASSA NA INDUSTRIA PETROLÍFERA EM CABINDA

EM CABINDA FALAM AS ARMAS

A Frente de Libertação do Estado de Cabinda (FLEC) reivindicou a morte de três militares das Forças Armadas Angolanas (FAA), em confrontos naquele enclave, que provocaram ainda a morte de um dos seus militares e de dois civis. Em “comunicado de guerra”, tornado público hoje, a FLEC descreve que os confrontos aconteceram na manhã desta quinta-feira, 4 de Junho, na aldeia de Tando-Limbo, no eixo … Continuar lendo EM CABINDA FALAM AS ARMAS

CABINDA GULF OIL COMPANY (CABGOC) PERDE PROCESSO JUDICIAL EM CABINDA

O Tribunal Provincial de Cabinda chumbou recentemente o recurso da Cabinda Gulf Oil Company (CABGOC) que negava indemnizar seu ex-funcionário, Januário Sumbo, portador duma doença profissional durante muitos. Em plena assessoria da renomada Miranda Alliance que “reúne cerca de 230 advogados em 19 jurisdições, abrangendo 4 continentes”, a CABGOC foi encostada a parede. Segundo o relatório do tribunal provincial de Cabinda, que cita a empresa … Continuar lendo CABINDA GULF OIL COMPANY (CABGOC) PERDE PROCESSO JUDICIAL EM CABINDA

EMPRESAS PETROLÍFERAS COMEÇAM A DESPEDIR TRABALHADORES EM CABINDA

A queda do preço de petróleo no mercado mundial vai abrir uma nova vaga de despedimentos no campo petrolífero de Cabinda. E alguns trabalhadores não foram indemnizados. Trabalhadores de agências que prestam serviços às petrolíferas indicam que, por causa do encerramento de algumas plataformas off shore e a redução na produção de petróleo, algumas empresas começaram a estabelecer acordos de redução do seu pessoal. A … Continuar lendo EMPRESAS PETROLÍFERAS COMEÇAM A DESPEDIR TRABALHADORES EM CABINDA

CORONAVÍRUS FORÇA CHEVRON SUSPENDER A EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA EM CABINDA

A companhia petrolífera Chevron suspendeu a exploração de todas as plataformas em águas profundas no mar de Cabinda por tempo indeterminado, na base estão os danos financeiros causados pela covid-19. Neste momento apenas duas plataformas estão em funcionamento para fornecimento de gás natural para Malembo e Soyo. As restantes foram suspensas devido à falta de escoamento do petróleo uma vez que todos os reservatórios estão … Continuar lendo CORONAVÍRUS FORÇA CHEVRON SUSPENDER A EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA EM CABINDA

ANGOLA E A ENI, AVANÇAM COM MAIS UM MEGA PROJECTO PARA A EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS DE CABINDA

A petrolífera italiana ENI confirmou hoje o potencial novo e adicional de mais de dois mil milhões de barris de petróleo, identificado nas recentes descobertas exploratórias realizadas no Bloco 15/06, onde é operadora. Segundo uma nota da petrolífera italiana, que opera em Angola desde 1980, a empresa está a trabalhar para que o novo campo entre em produção a partir de Dezembro de 2019, garantindo … Continuar lendo ANGOLA E A ENI, AVANÇAM COM MAIS UM MEGA PROJECTO PARA A EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS DE CABINDA