Flec Fac lamenta a não deslocação de Marcelo à Cabinda

twitter.com/flecfac/status/1103248153933959168

A FLEC/FAC lamentou hoje que o programa da visita de Estado a Angola do Presidente português exclua uma deslocação a Cabinda, mas disse acreditar que Marcelo Rebelo de Sousa aborde o assunto com o homólogo angolano, João Lourenço.

Num comunicado enviado à agência Lusa, a direção política da Frente de Libertação do Estado de Cabinda – Forças Armadas de Cabinda (FLEC/FAC), salienta que os “valores humanistas, de justiça e de defesa da dignidade humana” do chefe de Estado português leva-a a acreditar que Marcelo irá “interceder vigorosamente” junto de João Lourenço para que Luanda “cesse a repressão e as prisões arbitrárias” no enclave.

“A direção política da FLEC lamenta que o Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, não tivesse programado uma visita a Cabinda como a nação lusófona geograficamente mais próxima de Angola, que recebe a visita do chefe de Estado português”, lê-se no comunicado.

Fonte: Lusa


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.