“CABINDA À BEIRA DE UM LEVANTAMENTO POPULAR PARA SE LIBERTAR” ARÃO BULA TEMPO

O Dr. Arão Bula Tempo, é uma figura que dispensa apresentações, pois para muitos e principalmente para os Cabindas é o activista dos direitos humanos e o advogado do povo.

Fonte:avozdecabindambembubuala.com

Data: 29.04.2020

No acto introdutório da “Grande Entrevista” concedida à MBEMBU BUALA PRESS (A Voz de Cabinda), o Dr. Arão Tempo começou por esmiuçar os objectivos da organização política que preside, o relacionamento desta com os demais Movimentos Independentistas de Cabinda e bem com as demais organizações internacionais para à concretização do objectivo supremo que é à Autodeterminação e a soberania do povo de Cabinda.

Para este infelizmente e, apesar dos esforços do MRPCS (Movimento de Reunificação do Povo de Cabinda para a sua Soberania), as divergências no seio dos Movimentos políticos de Cabinda têm sido um dos obstáculos se não o principal para o insucesso da resolução do “Problema de Cabinda”, tendo em conta que as mesmas giram em torno do principal mecanismo à adoptar pelos Movimentos (Autonomia, Estatuto Especial e Independência Total)!

Segundo ainda o Dr. Tempo, essas divergências beneficiam mais o governo angolano que mais está interessado na desunião dos Cabindas, razão pela qual o processo de resolução continua estagnado apesar das inúmeras tentativas de possível resolução ou seja o regime angolano continua à usar a velha estratégia ocidental (que por sinal é milenar) o de dividir para melhor reinar (infelizmente).

O Dr. Arão Bula Tempo, não deixou de chamar atenção à juventude Cabindesa, sobretudo os mais críticos nas redes sociais, a serem mais responsáveis com os seus actos e obviamente que independentemente de tudo que não se esqueçam que o principal objectivo da luta dos Cabindas é à Autodeterminação do seu povo e, que se afastem do protagonismo.

Com relação à recuperação da soberania do Território de Cabinda no contexto das organizações regionais africanas como o caso da União Africana, o Dr. Arão Tempo é de opinião que mais do que a intervenção dessas instituições, deve-se continuar a consciencializar o povo de Cabinda sobre o seu direito inalienável à Autodeterminação, tal como se fez no Sudão do Sul, o “Problema é nosso e depende do nosso sacrifício” a sua resolução, acresceu.

O nosso entrevistado não deixou de falar também sobre a tão almejada e aguardada ajuda da Comunidade Internacional aos Cabindas e aso seu Problema que no seu entender passa mais pela consciencialização e determinação do povo de Cabinda.

Ao debruçar-se sobre o Alto Conselho de Cabinda (ACC), fundado no Gana, Bula Tempo acredita que possivelmente exista uma mão invisível por de trás da criação dessa organização, “pode ser uma jogada do regime” e deixou bem claro que “o MRPCS não fará parte de modo algum de qualquer encontro ou qualquer organização, onde não se definem estratégias que possam ter um impacto na resolução do Problema de Cabinda (…)”.

independentemente do posicionamento dos outros movimentos políticos de Cabinda no que toca ao objectivo principal e final do processo de resolução do “Problema de Cabinda” tendo em conta que o ACC defende à Autonomia e o Fórum Cabindês para o Diálogo – FCD a implementação do Estatuto Especial (como mecanismos para a resolução do Problema de Cabinda), o Bloco dos Independentistas que congrega o MRPCS, a UCI, a UPAIC e o MDC, defendem inquestionavelmente à independência de Cabinda, rematou o Dr. Arão Bula Tempo.

Contudo, o Dr. Arão Bula Tempo, relembrou ao governo angolano (MPLA), “que poderá haver em Cabinda com o interesse do próprio regime se demonstrar a dureza propriamente do seu sistema político em silenciar algumas forças ou vozes que falam sobre à autodeterminação do povo de Cabinda. Mas é necessário que o próprio governo pense que quanto mais tiver à apertar e silenciar essas vozes, mais forças vai dar o povo para um dia insurgir até criar um levantamento popular porque é um direito que cabe a um povo se sacrificar para se libertar”, alertou.

Quer saber mais sobre os outros temas abordados na “Grande Entrevista” com o Dr. Arão Bula Tempo?

Acompanhe o vídeo no link abaixo, uma produção da MBEMBU BUALA PRESS (A VOZ DE CABINDA):

Muito obrigado pela atenção!

Texto de Baveka Mayala

COPYRIGHT © 2020.MBEMBU BUALA PRESS (A VOZ DE CABINDA).TODOS DIREITOS RESERVADOS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.