DIRECÇÃO DO IMEC DE CABINDA RECUA NA DECISÃO

Após à denúncia dos estudantes do curso técnico profissional da 13 classe do Instituto Médio de Economia do Cabassango (IMEC), sobre a cobrança pela direcção do valor de doze mil kwanzas (12 mil Kz), para serem autorizados a realizarem a defesa dos trabalhos de fim de curso.

Facto que colocou a direcção daquela instituição entre a espada e a parede para a devolução dos 12mil Kz recolhidos aos estudantes, ontem segunda-feira, 17 de Maio do ano em curso pelas 11h, os estudantes foram reivindicaram diante da direcção do IMEC.

Os valores em causa segundo alegou a direcção serviriam para custear a decoração da mesa, compra de água, alimentação dos professores e de mais itens. Mas na prática segundo os estudantes o dinheiro cobrado não está sendo aplicado como prometido, uma vez se ter desencadeado o processo de defesa no último final de semana.

Face a situação e sobretudo o cenário de revolta dos estudantes a direcção do IMEC reuniu-se o mais rápido possível no último sábado onde o director delegou o coordenador para a cultura do IMEC a proceder a devolução do valor cobrado o mais rápido possível, mas até ontem nada se viu.

No entretanto os estudantes prometem manter o braço de ferro até a devolução do valor cobrado.

Texto Magaliza Zola

© 2021 VOZ DE CABINDA.MBEMBU BUALA, PELA VERDADE E JUSTIÇA – CABINDA – ACIMA DE TUDO E DE TODOS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.