CARDEAL ÂNGELLO BECCIU RENUNCIA AO CARGO NO VATICANO


A causa da renúncia foi a revelação do seu envolvimento em negócios obscuros que envolvem empresários angolanos suspeitos de branqueamento de capitais em Londres e outros mercados financeiros ocidentais.

Para consciência colectiva binda, quem é o Ângello Becciu?

Ele era, na altura da crise gerada pela rejeição generalizada de Filomeno Vieira Dias como sucessor de Don Paulino Fernandes Madeca, na Sé da Igreja Particular de Cabinda, o controverso italiano e Núncio Apostólico em Angola ou seja, representante da Santa Sé em Angola.

Nas suas variadas deslocações em Cabinda para tentar “impor”, sem sucesso, a tomada de posse do prelado Filomeno, salta-me à memória dois momentos:

Primeiro, foi quando estava pra ser linchado por fiéis furiosos, no Seminário Maior de Filosofia onde me encontrava a frequentar os três anos do Curso de Filosofia, tendo nesse dia, o carro top de gama, protocolar da diocese, que o então governador Amaro Taty tinha doado à Igreja local, que o transportava, ter sido vandalizado com ele dentro do carro, cheio de medo, e com o nosso Reitor naltura, Senhor Padre Raul Tati se desesperado com à emininente violação da integridade física do Núncio por parte dos fiéis que o iam acusando desrespeitosamente de estar a colaborar demais com os angolanos, ignorando o facto do mesmo ser cumulativamente, Vigário Geral da Diocese, sendo nesta qualidade, o interlocutor natural nessa situação. 

Enquanto, sozinho e nós, Seminaristas Maiores, tentávamos acalmar, os ânimos exaltados dos de fiéis barricados no Seminário Maior, o padre Carlos Gime, Prefeito dos Estudos naltura, medroso como é, tinha se fechado na Reitoria; do nada, a polícia angolana anti-montin, chega com 12 carros cheios de agentes, que num ápice, cercaram à nossa instituição de formação, com lançamento de gás lacrimogéneo (os nossos olhos pareciam terem sido lavados com água de jindungu, tal era o lacrimejar/tosse repentina) e tiros ao ar, prendendo quase seis dezenas de fiéis, outros se tinham escapado, que se insurgiram contra o controverso Becciu. 

No dia seguinte, quando este regressa à Luanda, dá uma entrevista nos “órgãos públicos de informação”, onde distorce com inverdades, os factos ocorridos naquele dia. ” Como pode um homem de Deus mentir descaradamente desse jeito, pensei comigo mesmo?” Isso abalou de que maneira à minha fé na instituição e nos homens que a dirigem, uns chegam a ser mais diabólicos que o próprio Diabo.

Segundo, no final de 2005, no auge daquele período negro da História da nossa antiga Igreja Católica local, cheguei a presenciar uma discussão “pouco católica” entre esse “diplomata” e o destemido, patriota Senhor Padre Congo, em que este afirmou sem pestanejar que o clero de Cabinda não é complexado como o de Angola. Logo, ele, Becciu, era tão humano e cristão quanto ele. 

As suspeitas, fundadas, do clero binda, de jogo sujo entre o Vaticano, representado pela Nunciatura Apostólica da altura, de que teria havido intromissão das autoridades angolanas e conspiração na designação atípica e irregular do padre Filomeno para titular da Sé de Cabinda, começam a vir à tona. 

A História tem muito a narrar, sobre a tomada da nossa antiga Igreja Católica local pelos angolanos, no âmbito da sua agenda colonial e de dominação em Cabinda. Houve conspiração, contra factos não há argumentos.

Por outro, tendo o aliado natural de Filomeno Vieira Dias renunciado ao cargo de Prefeito para Causa dos Santos, antiga Propanga Fidei, fica mais complicado à sua elevação esperada ao colégio cardinalício, pelo que, don Bilingui e outros podem a partir de hoje “sonhar” com o porpurado.

Leia ainda: 

https://avozdecabindambembubuala.com/2019/03/23/lobo-na-pele-de-cordeiro/

https://avozdecabindambembubuala.com/2020/03/12/a-luz-das-fronteiras-tracadas-na-conferencia-de-berlim-cabinda-nao-e-parte-integrante-de-angola/

Texto de José Da Costa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.